Dicas para otimizar os resultados com os estudos

Dicas para otimizar os resultados com os estudos

Ficar em cima de uma determinada matéria ou tema pode te levar a exaustão e, consequentemente, você irá absorver cada vez menos do conteúdo.

O termo “otimizar” tem como base criar situações em que seja possível retirar o melhor proveito de determinada tarefa. Isto, quando aplicado aos estudos, não é simplesmente estudar de uma forma mais rápida e prática, e sim extrair o melhor do aprendizado.

Embora seja algo que se consiga com a prática, é possível se organizar para estabelecer melhores formas de aprender e reter esses aprendizados, algo parecido com algumas técnicas de memorização.

E quando aplicado ao momento em que se está cursando um intensivo para concurso público, é de fato importante ter uma organização que ajude a otimizar os resultados.

 

  1. CRIE UM CRONOGRAMA

Tenha em mente que, de início, pode não parecer funcionar, uma vez que você precisa se acostumar com esse modelo de divisão de tempo.

Divida os estudos em horários determinados para eles, seja antes de um expediente (caso trabalhe) ou depois e respeite esses horários, seguindo-os à risca.

 

  1. IMPEÇA A “CURVA DO ESQUECIMENTO”

A “curva do esquecimento” é um estudo que pressupõe a evasão de memórias com o tempo. Em outras palavras, ela é um indicativo de como as informações se perdem da memória com o tempo se não se tenta retê-las.

Para que isso não aconteça, é preciso revisar o conteúdo de maneira correta e no momento certo. Veja bem: um conhecimento adquirido tem retenção de até 80% se revisado em 24 horas. Depois de uma semana, quando revisado novamente, pode reter até 100%.

E não é apenas com leitura que essa memorização acontece.

 

  1. MATERIAL IMPRESSO E ANOTAÇÕES À MÃO

Esses dois podem ser grandes aliados para memorizar e ajudar a aprender mais rapidamente. Escritos à mão tendem a fazer com que o cérebro se concentre mais na atividade do que quando comparado ao computador. Embora este seja um grande aliado, a mente pode se tornar mais “preguiçosa” quando ela é usada por muito tempo.

Além do mais, com o material impresso, é possível riscar, grifar e fazer anotações daquilo que ainda causa dúvidas.

guia completo método vipjus

  1. RELEMBRE

Essa é uma dica que complementa a anterior. Em vez de ficar apenas na leitura e nos rabiscos, faça dois exercícios simples: num primeiro momento, você pode fechar o material de estudo e ditar tudo aquilo que você lembrar. No outro, você pode escrever tudo o que lembrar, usando suas palavras para expressar o conhecimento.

Para ajudar, você também pode se posicionar como um professor e explicar tudo a um colega, por exemplo. Aproveite esse momento para que possam trocar informações e corrigir possíveis erros, ou, ainda, você também pode falar para uma plateia imaginária.

 

LEIA MAIS: 3 DICAS DE COMO REVISAR O CONTEÚDO ESTUDADO PARA CONCURSO PÚBLICO

 

  1. FAÇA CONEXÕES

Talvez uma das formas mais práticas e rápidas de se absorver informações seja correlacionar um conhecimento a alguma imagem, palavra ou objeto. Essa é uma técnica chamada de “aprendizagem contextual” e cada concurseiro pode personalizar o seu método de lembrança/aprendizado, fazendo as conexões que melhor se relacionam com as informações.

 

  1. ESTÁ CANSADO? ESTUDE

E durma em seguida. Parece contraditório, mas cientificamente faz sentido. Dormir pode ajudar a reter informações de uma forma mais branda, memorizando-as com maior facilidade. Essa prática se chama sleep-learning — “aprender dormindo”.

 

  1. VARIE O CONTEÚDO

De certa forma, este item se complementa ao número 2 sobre a “curva do esquecimento” e o tempo adequado para estudar. Afinal, intercalar disciplinas — interdisciplinaridade — para absorver melhor assuntos diversos é uma boa pedida para não se cansar demais em um único dever e dar o tempo necessário para reter cada item.

Repare: ficar em cima de uma determinada matéria ou tema pode te levar a exaustão e, consequentemente, você irá absorver cada vez menos do conteúdo.

Do contrário, além de aprender diferentes informações, você vai preparando e otimizando cada vez mais os temas de forma individual. Ao retornar a eles, já não será mais tão difícil relembrar o que aprendeu.

 

  1. MUDE DE CENÁRIO

Parece pouca coisa, mas mudar de cômodo já é suficiente para que ajude a reter melhor as informações aprendidas. Sair para estudar em outros ambientes, como ao ar livre, também é uma forma de melhorar os resultados dos estudos.

 

  1. RESPEITE O SEU DESCANSO E CRIE UM SISTEMA DE RECOMPENSAS

Otimizar o seus resultados não significa que precisa tomar todo o seu tempo livre para focar apenas nos estudos. É preciso, acima de tudo, manter uma boa alimentação, o sono em dia e, principalmente, cultivar momentos de descanso. Tudo isso dentro daquele cronograma que você criou lá no primeiro item.

Junto disso, você pode criar um sistema de recompensa, ou seja, quando alcançar o término do seus estudos do dia, da semana ou do mês antes do programado, pode se dar algum presente — uma saída, uma pizza ou mesmo mais horas de descanso.

 

  1. FAÇA SIMULADOS E ATIVIDADES

Concurseiro, fazer simulados é muito importante para te ajudar na retenção de informações, principalmente para conferir como está se dando o seu avanço e se ainda precisa melhorar ou manter os resultados obtidos.

Em muitos cursos intensivos e extensivos, como os do VIPJUS, simulados e provas são feitas de tempos em tempos para te ajudar a medir o nível de absorção e dos conhecimentos adquiridos.

 

 

ALGUMAS DICAS EXTRAS

  • Priorize os conteúdos ligados às matérias mais difíceis. Não significa que as demais ficarão para trás. Pelo contrário, pois você pode até mesmo intercalar um tema difícil com um mais fácil para equilibrar;
  • Durante o processo de aprendizado e otimização dos estudos, é preciso estar atento e evitar o máximo distrações como TV e celular, até mesmo durante as pausas;
  • Não deixe de fazer pausas, seja pelo método pomodoro ou de hora em hora, entre 10 e 15 minutos;
  • Faça textos de redação diariamente. Aprimore-se para economizar tempo durante a prova;
  • Falando em prova, um dia antes de realizá-la, opte por descansar. Isso pode te ajudar a ficar menos ansioso;
  • Após a prova, independentemente do resultado, se prosseguir estudando, revise as questões recorrendo a livros dos assuntos em questão.

Gostou do conteúdo ou tem mais alguma dica? Deixe um comentário!

 

LEIA MAIS: CARREIRAS JURÍDICAS: QUAL DEVO SEGUIR? CONHEÇA AS CARREIRAS DISPONÍVEIS E FAÇA A MELHOR ESCOLHA

LEIA MAIS: MENTORIA PARA CONCURSO PÚBLICO: O QUE É E COMO FUNCIONA

About The Author

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga-nos

Newsletter

Share This